DURANTE ANOS, ESTA MULHER SOFREU DE DORES TERRÍVEIS NO CALCANHAR. COMO ÚLTIMO RECURSO, SUBMETEU-SE A UM NOVO TRATAMENTO QUIROPRÁTICO E ACONTECEU ALGO INCRÍVEL

Postado por , no dia 06 de março de 2017 em Sem categoria
99cdcdac78ffb7f6ded0401d7c264abc

Modo de Preparo

Durante anos, esta mulher sofreu de dores terríveis no calcanhar. Como último recurso, submeteu-se a um novo tratamento quiroprático e aconteceu algo incrível

Quase todos os dias os nossos pés fazem um trabalho árduo e se os apertarmos dentro de um par de sapatos pouco cómodos, tornamos esta tarefa ainda mais difícil. Isto muitas vezes provoca doenças dolorosas como a fascite plantar, uma inflamação crónica dos tendões que estão na base do pé.

Os atletas sofrem muitas vezes desta alteração devido à pressão extrema a que submetem os seus pés enquanto correm ou saltam. Os jogadores de basquete, futebol ou ténis (já para não mencionar os bailarinos) estão nos grupos de maior risco.

Mas os atletas não são os únicos a apresentar a fascite plantar; pelo contrário, as pessoas pouco ativas ou com excesso de peso também correm o risco de sofrer desta doença. Usar sapatos de tacão alto também pode desencadear este e outros problemas nos pés. Esta doença aparece pouco a pouco com uma dor muito aguda que ocorre quando o pé está sob pressão. Depois de algumas semanas ou meses, a dor começa a ser mais frequente e manifesta-se mesmo quando o pé está relaxado.

Isto pode tornar a vida do paciente muito desconfortável. Uma dor aguda no tornozelo ao levantar-se pode ser um primeiro indício de fascite plantar.

A boa notícia é que a fascite plantar é tratável; ninguém tem que viver com a dor recorrente que esta alteração provoca. Existem vários métodos para lidar com esta doença, incluindo alongamento, palmilhas especiais para o calçado, medicamentos e alterações na rotina de treino.

E agora o quiroprático e ortopedista Dr. DeFabio desenvolveu uma nova técnica que, de acordo com as suas próprias palavras, pode curar a fascite plantar rápida e facilmente. O objetivo deste procedimento é, em primeiro lugar, reduzir a inflamação e depois estimular e fortalecer os músculos da barriga da perna.

O Dr. DeFabio recomenda o uso de um rolo de massagem como parte do tratamento. São fáceis de obter, relativamente baratos e permitem ao paciente realizar o procedimento em casa.

Contudo, na sua consulta, o Dr. DeFabio aplica a “técnica Graston”, que consiste em usar um instrumento de aço para “separar o tecido cicatrizado e as aderências para poder expandir o tecido e aumentar o fluxo sanguíneo na área”, explica. Usa um creme para lubrificar a pele e fazer com que o instrumento deslize facilmente.

O próximo passo é reduzir a pressão dos tendões através de uma fita adesiva especial chamada “Kinesio Tape”. Esta fita grande envolve-se em redor do tornozelo e estende-se até alcançar os dedos dos pés.

Depois coloca-se uma fita adesiva de menor tamanho sobre a fita grande para tirar ainda mais pressão ao tornozelo.

Pode ver o doutor DeFabio em ação com este vídeo (em inglês):

Talvez já tenha consultado um ortopedista ou um quiroprático que ainda não conhece este método. Neste caso, informe-o sobre a nova técnica do Dr. DeFabio e tente descobrir se é o que necessita. Pode ser a diferença entre uma cura rápida e indolor ou uma cirurgia cara e desnecessária

Fonte: Vamos Lá Portugal

Ingredientes
  • ..
Imprimir ou Salvar
Esta Receita
Envie pelo
Whatsapp
Comente nesta receita

Busca

Novidades

Área de Assinantes

Meu Livro de Receitas
Faça o seu login abaixo para listar suas receitas

Esqueci minha senha
Quero me registrar

Categorias

Curta no Facebook

-->